Veja também O mundo inteiro em:
http://naiane-julie2.blogspot.com

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Solidão-que nada

Imagem do filme: Na natureza Selvagem

Solidão não é ir embora
nem para o Norte
nem para o Oeste
Atravessar fronteiras
países
ir para 'Pasárgada'...

Solidão é a própria vida 
que inicia num fluxo contínuo 
de ar nos pulmões
e desde já nos ensina
que a dor faz parte da vida
e que a vida É solidão

Solidão não é a terrível
sensação de ficar sozinho
numa noite de inverno
é apenas um pedaço
intrínseco e reverso
do começo, do meio e do fim

Solidão, que nada!
não falo de nada triste
de uma partida
nem de saudade
não falo de espaços vagos
de sonhos que deram errado
ou liberdade

A vida hora ou outra nos lembra
da nossa condição
irrevogável
de solidão..



2 comentários:

  1. Por isso sempre prefiro o que Mariana Aydar diz: "Prefiro solitude a solidão."

    Onde está você agora, querida? Saiu de Sorocaba pra sempre?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vdd.
      Para sempre é muito tempo... Ah eu estou por aí... rs

      Excluir