Veja também O mundo inteiro em:
http://naiane-julie2.blogspot.com

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Pra você guardei o amor

Eu me desconcentro. Finjo que é sem querer. Direciono todas as minhas idéias e planos, mas às vezes apenas vagueio sem pressa na sua imagem, sonhando acordada, acidentalmente motivada, com um sentimento que não cabe em mim e que quer se expandir. Me pego assim, escrevendo algumas palavras repetidas, mas que descrevem melhor que quaisquer outras, a dimensão da energia que me invade. Dizem que isso tudo é doce ilusão, quem sabe, mas não me importo, só quero me permitir sentir completamente, até me encher, me transbordar e, quando sobrar farei isso: escreverei.
E se de fato mudar de cor, sei que a essência ainda e sempre será lilás.

Um comentário: